COM POEIRA E TUDO

COM POEIRA E TUDO

 

Aqui eu passei

De braços dados

Com você

Falei de amor

De tudo que eu tinha

Pra lhe oferecer.

 

Tive desenganos

Mesmo lhe dando

Do amor o prazer

Aí descobri

Que o amor é infinito

Enquanto existir.

 

Sai por aí

A procura de algo

Que não perdi

Esperando que a vida

Mostrasse o caminho

Certo a seguir.

 

O tempo passando

Poeira assentando

E eu a esquecer

O som do delírio

Soando no ouvido

Cheio de prazer.

 

Quando a luz Divina

Com todo carinho

Cobriu-me com um véu

Mostrando que a vida

Com ideal

Tem sabor de mel.

 

Esqueci-ti de um jeito

Que agora em meu peito

Não existe dor

E desejo a você

Muita felicidade

Sem guardar rancor.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s